domingo, 22 de janeiro de 2012

A Cartuxa de Parma - Stendhal

capa: Abril Cultural

Sinopse

O livro está dedicado à paixão tresloucada de um jovem italiano, Fabrício, nas circunstâncias mais inusitadas. Preso numa cela isolada, enxerga por uma fresta a bela Célia Conti, filha do chefe do presídio em que se encontra (na verdade, uma fortaleza). É certo que a conhecera antes, num encontro rápido e sem conseqüências. Correspondido, encontram forma de comunicar-se e apaixonam-se perdidamente. O curioso é que o jovem Fabrício é descrito como pessoa volúvel, sempre às voltas com múltiplas amantes e, Célia Conti, como moça equilibrada e de bom caráter. Fabrício foge da prisão e acaba por ter anulada a sentença que o condenara. Célia Conti torna-se Marquesa de Crescenzi e Fabrício, por sua vez, alto dignatário da Igreja. É reconhecido como um grande pregador. Movida pelo ciúme às paixões que provoca na nova situação, Célia Conti entrega-se a ele e acha que cumpre a promessa de não lhe por os olhos porquanto o faz à noite e no escuro. Toda essa trama pareceria forçada e sem qualquer verossimilhança. Contudo, Stendhal consegue transformá-la num romance que prende o leitor ao mesmo tempo em que proporciona retratos vivos de personalidades diversas. No romance há outras figuras marcantes, como a duquesa Sanseverina, o déspota de Parma, seus sequazes e tantos outros.

Créditos: Vide Editorial

0 Opiniões sobre o Livro:

Postar um comentário

O Que Você Achou deste Livro?

Se Já Leu ajude outros leitores que estão em dúvida deixando sua opinião.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...