terça-feira, 5 de julho de 2011

Mar Morto - Jorge Amado


Sinopse

O livro trata do nascimento, vida e morte do personagem Guma, que o autor descreve como sendo uma história que se conta nos cais baianos, uma lenda, como ele mesmo diz no final do livro: "assim contam os homens do mar".
Em verdade, o livro faz inúmeras referências a outros pescadores célebres, cita exaustivamente santos do candomblé e também descreve com grande detalhe o modo de vida miserável do "povo do mar", a morte sempre latente, naufrágos e amores.

Um livro sobre o mar. Pescadores corajosos se entregam í aventura das águas verdes da Bahia, enquanto suas mulheres os esperam em casa, cheia de cismas e tristezas. É a história do pescador Guma e sua amada, Lívia, a mulher mais bonita do lugar

Resumo

Mar Morto Guma, nascido dos efêmeros amores domarítimo Frederico e sua jovem namorada, foi criado pelo tio paterno, também um pescador, junto ao cais do porto da cidade. Aos onze anos de idade, Guma já navegava pelas águas azuis da Bahia. Numa festa a Iemanjá, conhece Lívia,menina-moça de olhos claros, e se apaixonam fortemente. Mas, os tios maternos dela, que a criaram, opõem-se ao casamento; Guma rapta-a e a confia a uma família amiga até a data do matrimônio, celebrado na ermida de Monte Serrate,na beira do mar. Passam a residir numa casinha próxima ao cais e aos saveiros.Lívia, então, passa a viver em crescente temor devido aos perigos do mar que acada tempestade tragava suas vítimas - os homens do mar. Com o nascimento do filho, Guma resolve mudar de atividade tão logo salde os compromissosfinanceiros, quando se afoga inesperadamente num naufrágio perto da praia. Seu corpo jamais foi encontrado nas águas do mar, esse mar que agora o retém, e com ele para sempre se confunde. Lívia, então, que sempre temera o mar, numa atitude de amor e de coragem se torna mestra do saveiro herdado, dandocontinuidade ao trabalho e também ao destino do seu amado.Mar Morto Mar Mortoé uma história do amor. Desse sentimento mais doce e mais trágico que o ser humano experimenta desde sua origem, e que numa teia paradoxal o enreda,tornando-o pleno e vazio ao mesmo tempo, dando-lhe vida através da morte,se a união de dois amantes é conseqüência da paixão, a paixão invoca necessariamente a morte, o desejo de morte ou de suicídio; o que designa a paixão é um halo de morte. Assim, nas páginas de MarMorto, mergulhamos nesse universo onde seres buscam com ânsia sua continuidade possível no ser amado, numa tentativa de submergir no outro, numa busca feroz de completude que só se torna possível pela fusão desses doisseres descontínuos.Por isso, Guma encontra sua plenitude namorte, quando possui e é possuído pela mãe-mulher Janaína, por isso,também, o sonho maior de todo pescador é morrer no mar.Há de haver também um olhar específico na construção das personagens femininas, que nada mais são do quea encarnação dessa plenitude tão procurada em toda a narrativa: as mulheres são deusas e as deusas são mulheres, há mães que são prostitutas e prostitutas que são santas, numa fusão maravilhosa da matéria com oespírito, do profano com o sagrado.Temos assim em Mar Morto o amor dos homens entre si, o amor entre um homem e uma mulher e o amor entre os homens e o mar - que vem a ser a grande metáfora do amor - por sua profundidade, seus mistérios e seus encantos que a todos chama e seduz.

Créditos: livrosgratis.net / Net Saber

0 Opiniões sobre o Livro:

Postar um comentário

O Que Você Achou deste Livro?

Se Já Leu ajude outros leitores que estão em dúvida deixando sua opinião.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...